A Importância do Geoprocessamento para a História e o Saber Ambiental

Natasha Sophie Pereira, Nilton Correia da Silva, Osmar Abílio de Carvalho Júnior, Sandro Dutra e Silva

Resumo


A história ambiental é um campo historiográfico relativamente novo. No entanto, seu desenvolvimento no campo científico tem se pautado pela utilização de ferramentas e metodologias que nem sempre foram utilizadas pela historiografia tradicional, sobretudo por lidar, de forma interdisciplinar com o meio ambiente. Esse artigo objetiva relacionar os estudos de geoprocessamento com as questões históricas, evidenciando o exercício do saber ambiental em sua dimensão interdisciplinar, auxiliando na quantificação das mudanças sofridas pelo meio ambiente no decorrer do tempo. Esse artigo procura refletir sobre o papel da tecnologia nas análises temporais para a uso histórico e também para o saber ambiental sobre efeitos perturbadores ao ambiente e à sustentabilidade.

Palavras-chave: Geoprocessamento. História Ambiental. Saber Ambiental.


Texto completo:

Arquivo em formato PDF

Referências


Alperstedt GD, Souza LR, Raquel I 2009. Estratégia e Gestão Ambiental: Um estudo na indústria de shoppings centers da grande Florianópolis. In Simpósio de Administração da Produção, Logística e Operações Internacionais, 12, [s.l.]. Anais..., FGV-EAESP.

Carvalho APF, Carvalho Júnior OA, Guimarães RF, Martins ES, Rocha VMS, César CS 2002. Análise Multitemporal de Imagens NDVI em Ações de Reforma Agrária. Espaço & Geografia 5(1):139-152.

Carvalho Júnior OA, Guimarães RF, Gillespie AR, Silva NC, Gomes RAT 2011. A New Approach to Change Vector Analysis Using Distance and Similarity Measures. Remote Sensing 3:2473-2493.

Casanova M, Câmara G, Davis C, Vinhas L, Queiroz GR 2005. Banco de Dados Geográficos. Curitiba: MundoGEO.

Drummond JA 1991. A História Ambiental: Temas, Fontes e Linhas de Pesquisa. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, 4(8):177-197.

Florenzano TG 2002. Imagens de Satélites para Estudos Ambientais. São Paulo: Oficina de Textos.

Gonzales RC, Woods RE 2000. Processamento de Imagens Digitais. Tradução RMC Cesar Junior, LF Costa. São Paulo: Editora Blucher.

Lorena RB, Santos JR, Shumabukuro YE 2004. Técnicas de Detecção de Mudanças Aplicada em Imagens de Satélite como Ferramenta de Monitoramento de Uso e Cobertura da Terra na Região da Amazônia Ocidental (Acre). Espaço & Geografia 7(1):47-76.

Meneses PR, Sano EE 2012. Classificação Pixel a Pixel de Imagens. In PR Meneses, T Almeida. Introdução ao Processamento de Imagens de Sensoriamento Remoto. Brasília: UnB/CNPq, cap. 12.

Pádua JA 2010. As Bases Teóricas da História Ambiental. Estudos Avançados 24:81-101.

Pietrafesa JP, Pereira Filho A 2000. A Ruralidade e Modelo de Desenvolvimento na Região Centro Oeste do Brasil: Um breve diagnóstico.

Sausen TM. Sensoriamento Remoto e Suas Aplicações para Recursos Naturais. [cited in 2012 feb 18]. Available in: http://www.inpe.br/unidades/cep/atividadescep/educasere/apostila.htm#tania

Teixeira FR 2008. Detecção de mudanças na paisagem em área de Floresta Tropical Utilizando Técnicas de Sensoriamento Remoto e Imagens LANDSAT TM. Rio de Janeiro: UFRRJ.

Worster D 1991. Para Fazer História Ambiental. Trad. JA Drummond. Estudos Históricos 4(8):198-215.




DOI: http://dx.doi.org/10.21664/2238-8869.2014v3i2.p132-144

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



FRONTEIRAS - Journal of Social, Technological and Environmental Science.

ISSN 2238-8869

 

Centro Universitário de Anápolis - UniEVANGÉLICA

Fronteiras